Cesumar - Centro Universitário de Maringá

Jornal Matéria Prima

 
  • Última Edição: #482 | 18/06/2018 - Ano XIX
 
Literatura | Edição #481 - 11/06/2018

A incrível maratona de um jovem atrasado

Eis aqui um exemplo claro de como um dia ruim pode acabar em morte

Carlos Henrique Rosa
Estudante de Jornalismo

Comentários
 
Aquele momento em que o relógio se torna o seu maior inimigo (Imagem/ Carlos Henrique Rosa)

Aquele momento em que o relógio se torna o seu maior inimigo
(Imagem/ Carlos Henrique Rosa)

Jorge era mais um dos milhões de jovens que todos os dias acordam cedo para sair de casa e ir estudar. Era um jovem dedicado, embora muitas vezes perfeccionista demais. Fazer o quê? Era o jeito dele… Todavia, por morar longe, Jorge tinha que pegar o circular na cidade em que morava e ir até o terminal rodoviário da capital, onde estudava. Uma viagem que durava em média 45 minutos. Lá, ele embarcava em um segundo ônibus, que passava perto da faculdade. Um percurso mais longo, que levava mais ou menos uma hora e meia.

Em um dia de azar, Jorge acordou atrasado, por causa do despertador que não tocou. Perdeu o circular. O pior disso tudo: era dia de prova na faculdade. A solução? Jorge ligou para um amigo, pedindo – de forma desesperada – que o levasse para a faculdade (depois ele pagaria a gasolina). O amigo topou e em 15 minutos ele chegou à casa de Jorge.

Foi apenas um susto, certo? Errado! Devido às péssimas condições da estrada, aquela que o governador prometera, em campanha eleitoral, fazer a manutenção e a duplicação (e que, aliás, ele só deve ter duplicado o próprio patrimônio), cheia de buracos, o pneu do carro estourou. Por não ter step, por conta do alto preço, o amigo pediu desculpas a Jorge, dizendo que ele precisaria de uns 40 minutos para entrar em contato com a seguradora – tempo que Jorge não tinha. Desesperado mais uma vez, Jorge fez sinal de carona a todos que passavam pela estrada, até que um bom samaritano resolveu ajudar. Já na capital, o motorista generoso deixou Jorge a mais ou menos 200 metros do terminal, para onde saiu correndo tão rápido quanto o Usain Bolt (tá bom, posso estar exagerando).

Já na capital, o motorista generoso deixou Jorge a mais ou menos 200 metros do terminal

Chegando lá, Jorge percebeu que o lugar estava praticamente deserto. Perguntando a um zelador, ele soube que a causa era uma paralisação dos motoristas de ônibus, que há dois meses não recebiam os salários. Era tudo o que ele não queria ouvir. Ele correu até um ponto de mototáxi e, por 25 reais (caro, né?) conseguiu transporte. No campus, o último desafio: subir as escadas do bloco até o último andar, algo árduo depois de tudo.

Nessa hora você deve estar perguntando o porquê de eu dizer acima que a má sorte pode matar. Simples: esqueci-me de mencionar que Jorge sofria de um problema no coração. Com todo o esforço que ele fez, você deve, então, imaginar o que aconteceu. No instante que Jorge entrou na sala, a professora, fazendo a chamada, pronunciou o nome dele. Ele gritou “presente”. E morreu…

Discussão e comentários »

Não há comentários | Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

* Copie a Senha gerada. *

* Digite ou cole senha aqui. *

31.174 Spam Comments Blocked so far by Spam Free Wordpress

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

sobre o autor

"Lembre-se disso: Um dia a mais é um dia a menos, e vice-versa"

ver mais posts do autor »

 

Notícias

 

Calendário

junho 2018
S T Q Q S S D
« mai    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

galeria de fotos

Mark Twain Cazuza Mario Quintana

enquete

É preciso começar a discutir a sexualidade ainda na infância?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...
 

Jornal Matéria Prima é produzido por alunos do curso de Jornalismo do Centro Universitário Cesumar - UniCesumar - na disciplina Técnica de Reportagem.

 

Publicado com WordPress / Laboratório de Notícias

Proibida a reprodução sem autorização do autor ou da Unicesumar

©2011-2018 Jornal Matéria Prima. Todos os Direitos Reservados.