Cesumar - Centro Universitário de Maringá

Jornal Matéria Prima

 
  • Última Edição: #474 | 16/04/2018 - Ano XIX
 
Literatura | Edição #474 - 16/04/2018

O capitalismo foi a nossa única escolha

Hoje prevalece a ganância de empresários e a esperança de trabalhadores

Andressa Jhozzenvick
Estudante de Jornalismo

Comentários
 
(Imagem: Pixabay) É uma escolha difícil, mas alguns tem famílias para criar

(Imagem: Pixabay) É uma escolha difícil, mas alguns tem famílias para criar

Estamos em guerra. Ideologicamente. Seja nas palavras, nas ações ou nos pensamentos. Todos nós estamos em uma guerra constante. Mas não se assustem. Hoje em dia isso é normal. É quase como aquele famoso “feijão com arroz” que não pode faltar em um bom e velho prato brasileiro. Hoje até em sonhos estamos em guerra.

Fico pensando, como seria a vida se tudo fosse lindo, como as teorias defendidas por Karl Marx, que foi um crítico radical do capitalismo e proclamou a emancipação da humanidade em uma sociedade que não tinha nada, muito menos classe. Marx, visto de fora, era um cara que defendia e acreditava no potencial do proletariado.

Ele ainda fez o favor de nos mostrar a expressão “mais-valia”, que significa nada mais e nada menos que a desvalorização do trabalho do proletário, ou seja, é o que vemos ainda nos dias de hoje. Você trabalha, trabalha e trabalha, horas por dia, e no fim do mês, recebe apenas um quarto daquele tempo que trabalhou. Isso era o fim para Marx. Hoje, essa nossa guerra diária é isso. Trabalhar o dia todo.

Como seria a vida, se tudo fosse lindo, como as teorias defendidas por Karl Marx.

Estresse com clientes. Patrões. Trânsito. Pode colocar aí na lista, o que mais te incomodar no seu dia a dia. E, pronto, está feita sua guerra diária. É, mas talvez o capitalismo seja uma boa saída, não é mesmo? Afinal, quem sou eu para opinar? Sou uma mera cidadã desempregada – assim como milhões também estão – louca por um trabalho, qualquer que seja. Só para ter uma grana no fim do mês para pagar as contas, que sempre tem.

Eu ainda sonho com um carro e uma casa, mas não é para tanto, vamos com calma. Carro é caro e eu precisaria trabalhar muito para ter um. Eu poderia, sim, arranjar um caminho mais fácil e rápido para conquistar meus objetivos. Afinal, de corrupção o mundo está cheio. Temos poucos caminhos para escolher. Você pode escolher ser uma cria do capitalismo e trabalhar horas, por miseras moedinhas, que ás vezes parecem esmola, ou você escolhe roubar um país, porque sabe que, infelizmente, as leis brasileiras vão privilegiar aqueles que mesmo sem estudo, ainda assim, conseguem uma cela separada de outros detentos, com televisão para ver o time do coração ser campeão paulista pela 29º vez.

Discussão e comentários »

Não há comentários | Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

* Copie a Senha gerada. *

* Digite ou cole senha aqui. *

30.700 Spam Comments Blocked so far by Spam Free Wordpress

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

sobre o autor

Sou da arte, danço para me libertar. Sou do jornalismo por amor e estou sempre ao seu dispor.

ver mais posts do autor »

 

Notícias

 

Calendário

abril 2018
S T Q Q S S D
« dez    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

galeria de fotos

Mario Quintana Cazuza Mark Twain

enquete

Seus direitos como cidadão estão mais protegidos com o trabalho do Observatório Social em Maringá?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...
 

Jornal Matéria Prima é produzido por alunos do curso de Jornalismo do Centro Universitário Cesumar - UniCesumar - na disciplina Técnica de Reportagem.

 

Publicado com WordPress / Laboratório de Notícias

Proibida a reprodução sem autorização do autor ou da Unicesumar

©2011-2018 Jornal Matéria Prima. Todos os Direitos Reservados.