Cesumar - Centro Universitário de Maringá

Jornal Matéria Prima

 
  • Última Edição: #483 | 28/06/2018 - Ano XIX
 
Cidade | Edição #468 - 30/10/2017

Zona sul lidera em condomínios, diz Seplan

Em Maringá, bairro Zona 8 tem sete condomínios horizontais construídos

Murillo Saldanha
Estudante de Jornalismo

Comentários
 

O condomínio, para muita gente, é sinônimo de segurança, conforto e espaço para as crianças e animais de estimação. De acordo com a Secretaria de Planejamento e Urbanismo de Maringá (Seplan), em 2016 foram aprovados 1.586 lotes. Desse total, 30 foram para condomínios horizontais.

Os números registrados pela Seplan representam o crescimento urbano do município. Maringá tem 44 condomínios horizontais, 41 deles construídos na região sul da cidade.

Hoje é muito mais rápido você vender uma casa dentro de um condomínio horizontal do que na rua

Alessando Fabiano Trojan, gerente de Uso de Solo da Seplan explica que a distribuição de condomínios não é uma divisão de classes sociais. “A zona sul é pioneira nessa implantação, começou nessa zona e por isso agregou. A zona norte não tinha terrenos, já a zona sul tinha bastante terrenos vagos”, afirma.

Segundo o gerente da Seplan, depois de 2011 Maringá não teve mais projetos para construções de condomínios. A lei que regula o parcelamento do solo na cidade, aprovada naquele ano, gerou algumas dificuldades para os construtores.

Alexandre Guimarães Nicolau, vice-presidente regional do Sindicato de Habitação e Condomínios (Secovi), conta que além das questões de segurança e lazer, muitas pessoas procuram casas em condomínios pela valorização. “Hoje é muito mais rápido você vender uma casa dentro de um condomínio horizontal do que uma casa na rua. Dentro do condomínio tem todos os confortos da área de segurança e lazer.”

A engenheira agrônoma Lucileni Aparecida Lonardoni Cumani, 56, é moradora há 15 anos de um condomínio horizontal na Zona 8, localizada na região sul da cidade. Ela escolheu morar em um condomínio do bairro pela estrutura e pelos valores que não eram tão altos. “Na época, tínhamos filhos pequenos e procurávamos um lugar em que eles tivessem condições de fazer amigos, brincar nas ruas e pela questão de segurança”, explica Lucileni.

A engenheira agrônoma conta que já pensou em mudar para um apartamento mais próximo do centro da cidade, depois que os filhos cresceram. Mas a chegada da neta mudou os planos dela. “Com a neta estamos começando tudo de novo. Ela aproveita bem a estrutura do condomínio, da nossa casa”, afirma.

Condomínios horizontais chamam atenção na Zona 8 de Maringá  (Imagem/Mariana Belleze)

Condomínios horizontais chamam atenção na Zona 8 de Maringá
(Imagem/Mariana Belleze)

Discussão e comentários »

Não há comentários | Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

* Copie a Senha gerada. *

* Digite ou cole senha aqui. *

37.067 Spam Comments Blocked so far by Spam Free Wordpress

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

sobre o autor

Simples construções textuais para contar histórias que merecem ser conhecidas.

ver mais posts do autor »

 

Notícias

 

Calendário

outubro 2017
S T Q Q S S D
« set   nov »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

galeria de fotos

George Carlin Mark Twain Chico Buarque

enquete

Você gostou das edições do JMP deste primeiro semestre?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...
 

Jornal Matéria Prima é produzido por alunos do curso de Jornalismo do Centro Universitário Cesumar - UniCesumar - na disciplina Técnica de Reportagem.

 

Publicado com WordPress / Laboratório de Notícias

Proibida a reprodução sem autorização do autor ou da Unicesumar

©2011-2018 Jornal Matéria Prima. Todos os Direitos Reservados.