Cesumar - Centro Universitário de Maringá

Jornal Matéria Prima

 
  • Última Edição: #483 | 28/06/2018 - Ano XIX
 
Cidade | Edição #468 - 30/10/2017

Profissão de pet sitter está em alta no mercado

Brasileiros deixam de ter filhos para ter animais de estimação em casa

Láiza Maciel
Estudante de Jornalismo

Comentários
 

Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o Brasil tem 4ª maior população de animais de estimação do mundo. Eles estão ganhando os lares brasileiros e, em alguns casos, tomando o lugar das crianças. Em outra pesquisa, o IBGE, aponta que em 2013 havia 44,9 milhões de crianças de até 14 anos nos domicílios brasileiros, contra cerca de 130 milhões de animais, entre cães, gatos, aves, peixes, répteis e pequenos mamíferos.

O aumento da população de animais elevou também a quantidade de serviços relacionados a esse mercado. Em relação a 2014/ 2015 houve aumento de 7,8% no faturamento do mercado pet. Somente em 2015 a projeção foi de R$ 21,9 bilhões, segundo dados do IBGE.

As pesquisas apontam o possível sucesso da profissão de pet sitter, porém é preciso sentir amor pelos animais e se dedicar aos cursos profissionalizantes para se destacar. Esses e outros fatores fizeram com que Ana Paula Podam Castro, 39, pet sitter, moradora do Jardim Aclimação em Maringá, largasse a profissão de esteticista para se dedicar ao mundo dos bichos.

Uma dose de amor entre Ana Paula, Shakira, Billy e Julie  (Imagem / Arquivo pessoal Ana Paula)

Uma dose de amor entre Ana Paula, Shakira, Billy e Julie
(Imagem / Arquivo pessoal Ana Paula)

Ana Paula diz que sempre ajudou animais abandonados, e foi depois de ouvir queixas de algumas clientes sobre não ter com quem deixar os animais quando precisavam viajar, que ela se interessou pela profissão. “Tive que conhecer e estudar a parte do comportamento e raças, principalmente dos cães e primeiros socorros, pois muitas vezes tenho que orientar os tutores”. Antes de iniciar o trabalho é necessário uma visita para conhecer o tutor e o animal. Geralmente os pets são independentes e se sentem à vontade sob os cuidados de Ana Paula.

Diferentemente do atendimento personalizado de pet sitter, Ricardo Gomes Petrucci, 28, atendente na Pet Creche, conta que cuidar de vários animais causa impacto. “As pessoas sentem medo, os animais são como seus filhos, é como se estivessem deixando a criança pela primeira vez na ‘escolinha’. Já na segunda vez é tranquilo. Durante o dia mandamos fotos, inclusive à noite na hospedagem dos animais, nas ‘caminhas’. Temos todo um cuidado para deixar os donos tranquilos”, explica Petrucci.

As pessoas sentem medo, os animais são como seus filhos

A veterinária Ingrid Hoffmann Correa, 28, alerta sobre as principais preocupações dos profissionais ao entrar no mercado. “Prezar pela reputação do negócio através da higiene e limpeza do espaço, exigir carteira de vacinação, possuir número adequado de funcionários de acordo com os serviços oferecidos, auxiliar na socialização dos animais.”

Discussão e comentários »

Não há comentários | Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

* Copie a Senha gerada. *

* Digite ou cole senha aqui. *

37.124 Spam Comments Blocked so far by Spam Free Wordpress

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

sobre o autor

Aproveitando cada segundo antes que isso aqui vire uma tragédia.

ver mais posts do autor »

 

Notícias

 

Calendário

outubro 2017
S T Q Q S S D
« set   nov »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

galeria de fotos

Mark Twain Cazuza Mario Quintana

enquete

Você gostou das edições do JMP deste primeiro semestre?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...
 

Jornal Matéria Prima é produzido por alunos do curso de Jornalismo do Centro Universitário Cesumar - UniCesumar - na disciplina Técnica de Reportagem.

 

Publicado com WordPress / Laboratório de Notícias

Proibida a reprodução sem autorização do autor ou da Unicesumar

©2011-2018 Jornal Matéria Prima. Todos os Direitos Reservados.