Cesumar - Centro Universitário de Maringá

Jornal Matéria Prima

 
  • Última Edição: #483 | 28/06/2018 - Ano XIX
 
Cidade | Edição #447 - 29/08/2016

Vizinho Solidário da Zona 2 inspira outros bairros

O programa reúne moradores, estreita laços e usa a tecnologia para auxiliar a convivência e a segurança da Zona 2

Amanda Gomes
Estudante de Jornalismo

Comentários
 

O projeto “Vizinho Solidário” trabalha em prol da segurança há mais de quatro anos em Maringá. Responsável por implantar o programa na Zona 2, região central de Maringá, Gisele Nogueira Vieira foi a Londrina, em 2012, para conhecer a ideia e trazer à Cidade Canção.

Gisele é agente de viagem e membro do conselho de segurança. Ela conta que, de lá para cá, o projeto já inspirou outros bairros e foi implantado em diversos deles. “Começamos com cerca de 15 casas, hoje são mais de 300 ao longo da Zona 2.”

Começamos com cerca de 15 casas, hoje são mais de 300 ao longo da Zona 2

A líder do projeto explica que são os moradores que procuram a Associação para fazer parte do programa e solicitam as fichas para o cadastro. “Tem que ser algo espontâneo, não forçado. Depois disso, fazemos a orientação sobre o kit e sobre as medidas preventivas.”

O kit do “Vizinho Solidário” é composto por uma placa informativa, colocada em todos os portões das casas participantes, um ímã de geladeira e um apito. Além do kit, outro método usado em prol da segurança é o grupo em um aplicativo de mensagens, o WhatsApp.

Ana Beatriz Bastos, 55, é moradora do bairro há mais de dez anos e faz parte do projeto desde o começo. Ela reconhece que a tecnologia trouxe melhoras para o trabalho em grupo. “Se virmos algum carro ou pessoa suspeita, fotografamos e enviamos no grupo. Tudo é checado. Facilita muito”, afirma. A moradora conta que, além disso, a partir do projeto os vizinhos puderam também se conhecer e se tornar amigos.

A placa informativa faz parte do kit do "Vizinho Solidário" (Imagem/ reprodução)

A placa informativa faz parte do kit do “Vizinho Solidário” (Imagem/ reprodução)

Esse também é o principal ponto para Olavo José Perondi, 57. Ele é morador do bairro há três anos e logo que chegou à Zona 2 já se interessou pelo projeto. “Quando eu cheguei nenhum dos meus vizinhos fazia parte, eu me interessei e sugeri que eles entrassem. Acho um ótimo programa.” “Eu vim morar aqui e não sabia quem eram os vizinhos, não tinha nenhum contato. Agora eu tenho o telefone deles e eles o meu. Se eu for viajar, aviso eles que vou estar fora”, explica Perondi.

E o projeto já surtiu efeito muitas vezes, como conta a agente de viagem, Gisele. “Uma vez uma moradora viu alguém pulando o muro de uma das casas do bairro. Ela começou a apitar e todos os moradores também. O ladrão fugiu e nem entrou no imóvel.”

Para Olavo Perondi, o projeto possibilita a quebra do anonimato e o estreitamento das relações. “É um bom programa. Ajuda a intensificar as relações que, normalmente, na cidade são tão frias e individuais. Depois do “Vizinho Solidário” criamos uma relação afetiva.”

Discussão e comentários »

Não há comentários | Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

* Copie a Senha gerada. *

* Digite ou cole senha aqui. *

34.674 Spam Comments Blocked so far by Spam Free Wordpress

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

sobre o autor

Notícias

 

Calendário

agosto 2016
S T Q Q S S D
« jun   set »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

galeria de fotos

Mario Quintana Cazuza Mark Twain

enquete

Você gostou das edições do JMP deste primeiro semestre?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...
 

Jornal Matéria Prima é produzido por alunos do curso de Jornalismo do Centro Universitário Cesumar - UniCesumar - na disciplina Técnica de Reportagem.

 

Publicado com WordPress / Laboratório de Notícias

Proibida a reprodução sem autorização do autor ou da Unicesumar

©2011-2018 Jornal Matéria Prima. Todos os Direitos Reservados.