Cesumar - Centro Universitário de Maringá

Jornal Matéria Prima

 
  • Última Edição: #483 | 28/06/2018 - Ano XIX
 
Literatura | Edição #432 - 23/11/2015

Escrevo para encontrar-me jornalista

A experiência do Jornal Matéria Prima proporciona enxergar a si mesmo de maneira crítica, poética e inspiradora

Ademir Freitas
Aluno de Jornalismo

Comentários
 

Escrever é libertar-se das amarras da vida. É encontrar o equilíbrio entre a angústia e a satisfação. É meditar entre o caos em que vivemos sem pronunciar uma palavra falada. É enxergar a si mesmo de maneira crítica, poética, informativa e inspiradora. Escrever me proporcionou uma das experiências mais transcendentes deste ano: participar de um laboratório prático para o Jornal Matéria Prima. Participar desse projeto me fez enxergar o todo e me preparou para alcançar novos degraus – ainda melhores.

Tudo aconteceu naturalmente. A estreia foi cortejada por um assunto que eu dominava bem, talvez o motivo para uma chegada lenta e proveitosa. Dar a sua opinião sobre um acontecimento do mundo é uma responsabilidade avassaladora e requer aprofundamento e estudo. Éramos carneirinhos perdidos em um vasto pasto e não podíamos nos render ao abate.

O ápice, em minha opinião, começou quando fomos a campo para realizar as reportagens de bairro. Colocar-se no lugar do outro para refletir uma situação que não faz parte do seu cotidiano é a mais pura forma de compaixão. As reportagens sobre o visagismo, o taxista Waldomiro, o jovem chef talentoso e o bar da diversidade na Zona 7 aguçaram a minha sensibilidade e empatia com o próximo. Acima de qualquer aprendizado técnico, a lição que levo tem o respeito e a gentileza como combustíveis da vida.

A lição que levo têm o respeito e a gentileza como combustíveis da vida

Sempre fui um blogueiro preocupado com a boa escrita e clareza nos meus textos, porém não tinha o olhar apurado de um profissional antes que fossem publicados. A experiência do JMP abriu-me os olhos para os detalhes e aperfeiçoou a maneira como me expresso – regrinhas básicas fazem mais sentido hoje, o vocabulário está abastecido e a criatividade aflora com mais naturalidade. Eu me tornei um observador e crítico mais preocupado com a realidade à minha volta.

A oportunidade de participar de um projeto respeitado e consolidado como esse marcou o início da concretização de um sonho. Sonho este que não busco concretizar sozinho. Todos nós somos merecedores do sucesso conquistado. Agradeço a oportunidade de fazer parte da história do Jornal Matéria Prima e, sem dúvida alguma, vou levar esse conhecimento aonde estiver.

Tornei-me um observador e crítico mais preocupado com a realidade à minha volta   (Foto: Guilherme Menezes)

Tornei-me um observador e crítico mais preocupado com a realidade à minha volta
(Foto: Guilherme Menezes)

Discussão e comentários »

Não há comentários | Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

* Copie a Senha gerada. *

* Digite ou cole senha aqui. *

35.194 Spam Comments Blocked so far by Spam Free Wordpress

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

sobre o autor

Quase jornalista, apaixonado por social media e música

ver mais posts do autor »

 

Notícias

 

Calendário

novembro 2015
S T Q Q S S D
« out   abr »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

galeria de fotos

George Carlin Mario Quintana Mark Twain

enquete

Você gostou das edições do JMP deste primeiro semestre?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...
 

Jornal Matéria Prima é produzido por alunos do curso de Jornalismo do Centro Universitário Cesumar - UniCesumar - na disciplina Técnica de Reportagem.

 

Publicado com WordPress / Laboratório de Notícias

Proibida a reprodução sem autorização do autor ou da Unicesumar

©2011-2018 Jornal Matéria Prima. Todos os Direitos Reservados.