Cesumar - Centro Universitário de Maringá

Jornal Matéria Prima

 
  • Última Edição: #483 | 28/06/2018 - Ano XIX
 
Saúde | Edição #428 - 19/10/2015

Uso de remédios para emagrecer é ruim, diz médico

Maneira mais rápida e fácil para chegar ao peso ideal faz pessoas procurarem medicamentos sem conhecer os riscos

Ana Paula Foltran
Aluna de Jornalismo

Comentários
 

Verão chegando, quilos a mais, correria do dia a dia e o desejo do corpo ideal em pouco tempo e pouco esforço são alguns motivos que levam as pessoas a procurar fórmulas milagrosas para emagrecer. O uso de remédios é o mais comum e pode causar sérios problemas à saúde, podendo levar até à morte.

sdg

Remédio para emagrecer é um risco que deve ser prevenido (Foto: Ana Paula Foltran)

Foi o que aconteceu em setembro com a estudante Carolina Martins, 17, que não estava satisfeita com o próprio corpo e optou por usar o medicamento sibutramina, que só pode ser vendido com prescrição médica. Por ter problemas de pressão alta, a estudante teve alucinações com o do remédio e se atirou do prédio onde morava, no último dia 19 de setembro, em Uberaba (MG).

 

Todo mundo quer emagrecer de forma rápida e fácil, sem grandes esforços

Segundo o médico endocrinologista João Marcelo Marcantonio, 41, esses remédios podem causar vários prejuízos à saúde. “Os hormônios de crescimento podem fazer a pessoa ter maior risco de câncer. Termogênico podem causar arritmia. As anfetaminas podem causar alteração no comportamento, a pessoa pode ficar depressiva, ter psicoses e instabilidade de humor.”

O professor de educação física Uilson Rodrigues Júnior, 31, afirma que alunos que frequentam academias procuram tudo o que querem na internet e apesar de pedirem a opinião de algum profissional acreditam que já sabem tudo o que precisam sobre o uso de remédios.

Ele conta que o “efeito sanfona”, que é quando o sujeito perde peso, mas logo após recupera, é muito prejudicial à saúde, pois o organismo não consegue reconhecer qual o tipo de corpo a pessoa tem. “Às vezes usa um medicamento e tem resultado, mas não cuida da alimentação. Assim que para de tomar o remédio, o peso volta”, afirma Rodrigues Júnior.

A estudante de direito Vanessa, 26, que preferiu não ter o sobrenome divulgado, começou a fazer uso do medicamento sibutramina, após pesquisar sobre isso na internet. “Não optei por outra forma de emagrecer, pois além de não ter tempo para conciliar atividades físicas com estudo e trabalho, também não conseguia comer de forma saudável”, diz Vanessa.

A estudante revela que comprava o remédio no “mercado negro”, com pessoas que comercializam o medicamento na internet sem prescrição médica. “Todo mundo quer emagrecer de forma rápida e fácil, sem grandes esforços e acho que o remédio proporciona isso”, relata a estudante.

Para Marcantonio, a forma mais saudável de perder peso é unir reeducação alimentar a exercício físico. “Não existe espaço para termogênico, para o uso de anabolizantes para o aumento de massa muscular, e nem para hormônios. Recebemos pessoas que fazem uso desses medicamentos aleatoriamente que compram na internet e no Paraguai”, conta Marcantonio.

Discussão e comentários »

Não há comentários | Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

* Copie a Senha gerada. *

* Digite ou cole senha aqui. *

32.117 Spam Comments Blocked so far by Spam Free Wordpress

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

sobre o autor

Fã da gramática, dependente da escrita e amante do texto

ver mais posts do autor »

 

Notícias

 

Calendário

outubro 2015
S T Q Q S S D
« set   nov »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

galeria de fotos

Chico Buarque George Carlin Mario Quintana

enquete

Você gostou das edições do JMP deste primeiro semestre?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...
 

Jornal Matéria Prima é produzido por alunos do curso de Jornalismo do Centro Universitário Cesumar - UniCesumar - na disciplina Técnica de Reportagem.

 

Publicado com WordPress / Laboratório de Notícias

Proibida a reprodução sem autorização do autor ou da Unicesumar

©2011-2018 Jornal Matéria Prima. Todos os Direitos Reservados.