Cesumar - Centro Universitário de Maringá

Jornal Matéria Prima

 
  • Última Edição: #483 | 28/06/2018 - Ano XIX
 
Cidade | Edição #425 - 14/09/2015

Alegria é a recompensa de quem ajuda

Projetos sociais estão ajudando a proporcionar qualidade de vida e a defender os direitos humanos em geral

Bruna Gabriel
Bruna Gabriel

Comentários
 

 

Projeto Pescadores de Vidas
Foto: Caroline Ozílio

Proporcionar qualidade de vida e atender as necessidades de quem precisa é a filosofia de trabalho dos projetos sociais. São dirigidos por pessoas que têm a iniciativa de coordenar e conscientizar a comunidade. Os projetos sociais favorecem a inclusão social e despertam o individuo para o papel que exerce na sociedade, promovendo bem estar e autoajuda.

De acordo com o Centro de Informação das Nações Unidas Rio de Janeiro, cerca de 70% dos projetos desenvolvidos pela ONU (Organização das Nações Unidas) são voltados para promover melhores condições de vida e crescimento social.

Os projetos sociais nascem quando duas ou mais pessoas se unem voluntariamente, tendo a necessidade de resolver problemas, geralmente, com o objetivo de ajudar um grupo mais desfavorecido. Assim surgem as ONGs (Organizações não- governamentais), que não têm fins lucrativos e buscam estabelecer proteção e defesa dos direitos humanos em geral.

Terapia da Alegria Foto: Mansano

Terapia da Alegria
Foto: Mansano

Com aproximadamente 397 mil habitantes, a cidade de Maringá também desenvolve projetos sociais para beneficiar a comunidade e promover a conscientização. Um dos projetos é o Terapia da Alegria, desenvolvido pelo grupo Humanizarte. Vestidos de palhaços, eles visitam espaços de saúde, como Hospital Municipal, Hospital Psiquiátrico, Asilos e outros. Cada local recebe a visita semanal de três horas com duplas ou trios de palhaços. De acordo com Alexandre Penha, coordenador do projeto, o trabalho “proporciona momento de descontração e suavização dos ambientes visitados. Para os pacientes é o momento de focar no lado saudável, um passo importante para melhora e cura.”

Outro projeto desenvolvido na região é o Pescadores de Vida, realizado no bairro Bom

Projeto Pescadores de Vidas

Foto: Caroline Ozílio
Projeto Pescadores de Vidas

Pastor em Sarandi (8,3 km de Maringá). “Fundado em 2006, tem por missão mostrar para crianças e adolescentes carentes uma nova perspectiva de vida, do pessoal ao profissional. Leva esse nome porque tem como foco principal o resgate de crianças e adolescentes em situação de risco”, diz Bárbara Medeiros – responsável pelo projeto. “Desenvolvemos atividades pedagógicas, evangelizações, brincadeiras e atendimento junto às famílias no sentido de ouvir, conduzir e orientá-las.”

“O projeto social vem de encontro com a realidade do cidadão

De acordo com a Assistente Social Adelita Covissi, “o projeto social vem de encontro com a realidade do cidadão, contribuindo através de iniciativas individuais ou coletivas, que visam a melhoria na qualidade de vida de pessoas e comunidades. Favorece o engajamento pois, envolvem as pessoas para além do seu campo de vivência, permitindo a transposição de barreiras e preconceitos na perspectiva da cidadania”.

Discussão e comentários »

Não há comentários | Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

* Copie a Senha gerada. *

* Digite ou cole senha aqui. *

37.065 Spam Comments Blocked so far by Spam Free Wordpress

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

sobre o autor

Posso ser forte, durona e molinha ao mesmo tempo

ver mais posts do autor »

 

Notícias

 

Calendário

setembro 2015
S T Q Q S S D
« ago   out »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  

galeria de fotos

Cazuza Chico Buarque Mario Quintana

enquete

Você gostou das edições do JMP deste primeiro semestre?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...
 

Jornal Matéria Prima é produzido por alunos do curso de Jornalismo do Centro Universitário Cesumar - UniCesumar - na disciplina Técnica de Reportagem.

 

Publicado com WordPress / Laboratório de Notícias

Proibida a reprodução sem autorização do autor ou da Unicesumar

©2011-2018 Jornal Matéria Prima. Todos os Direitos Reservados.