Cesumar - Centro Universitário de Maringá

Jornal Matéria Prima

 
  • Última Edição: #483 | 28/06/2018 - Ano XIX
 
Esporte | Edição #418 - 22/06/2015

Enquanto um só sobe, os outros só descem

A seleção brasileira de futebol parece ser a única em uma competição importante, como se outros esportes não existissem

Lucas Schimmack
Aluno de Jornalismo

Comentários
 
(foto:Rafael Ribeiro / CBF)

(foto:Rafael Ribeiro / CBF)

Enquanto o futebol masculino se preparava para jogar a Copa América, a seleção feminina de futebol já jogava a Copa do Mundo de Futebol Feminino, no Canadá. No entanto curiosamente, todos os olhos estavam voltados ao time do Neymar. Outros campeonatos de outras modalidades esportivas também são empurrados para debaixo do tapete, só para a seleção “brilhar”.

Há valorização excessiva da seleção brasileira em detrimento de outros esportes

Para a seleção de futebol masculina falta talento. Futebol é jogo coletivo e a seleção só tem dois jogadores competentes, Neymar e Philippe Coutinho. Ainda assim o time não consegue jogar direito. Mesmo com a falta de qualidade, o futebol masculino é retratado pela mídia como bom e ganha supervalorização.

Um fato foi a preparação da seleção. Amistosos contra equipes ruins e desempenhos horríveis deram margem para boas críticas, pelo simples motivo de o Brasil ter ganhado as partidas. Tornou-se irrelevante a presença de um time mexicano reserva (sem nenhuma estrela mexicana no futebol mundial) e uma seleção horrenda como a de Honduras.

Ainda sobre os amistosos, quando o Brasil enfrentou o México, a TV Globo simplesmente abandonou a Fórmula 1 e deixou a cerimônia do pódio de lado para mostrar o pré-jogo. Simplesmente ignorou o principal momento do evento automobilístico, desrespeitando público e anunciantes.

O tenista Marcelo Mello foi campeão nas duplas em Roland Garros, um dos quatro campeonatos mais importantes do tênis, ao lado do croata Ivan Dodig. Não passou de três minutos nas pautas de emissoras esportivas e abertas. Mas como era dia de jogo da seleção, já dá para saber sobre quem falaram mais.

Não é necessário abdicar do futebol masculino, até porque é o esporte favorito dos brasileiros. Mas há uma valorização excessiva da seleção brasileira. E numa escala gigantesca, a diminuição de importância de outros esportes em nome da seleção.

Discussão e comentários »

Não há comentários | Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

* Copie a Senha gerada. *

* Digite ou cole senha aqui. *

33.155 Spam Comments Blocked so far by Spam Free Wordpress

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

sobre o autor

Fã de esportes, árbitro de sofá convicto de certeza

ver mais posts do autor »

 

Notícias

 

Calendário

junho 2015
S T Q Q S S D
« mai   ago »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

galeria de fotos

Chico Buarque Mark Twain George Carlin

enquete

Você gostou das edições do JMP deste primeiro semestre?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...
 

Jornal Matéria Prima é produzido por alunos do curso de Jornalismo do Centro Universitário Cesumar - UniCesumar - na disciplina Técnica de Reportagem.

 

Publicado com WordPress / Laboratório de Notícias

Proibida a reprodução sem autorização do autor ou da Unicesumar

©2011-2018 Jornal Matéria Prima. Todos os Direitos Reservados.