Cesumar - Centro Universitário de Maringá

Jornal Matéria Prima

 
  • Última Edição: #483 | 28/06/2018 - Ano XIX
 
Tecnologia | Edição #411 - 04/05/2015

Comunicar com bom humor é exigência nas redes sociais

Criatividade e curiosidade são ferramentas importantes para ter sucesso na carreira de ‘social media’

Ademir Freitas
Aluno de Jornalismo

Comentários
 

A popularização da internet a partir dos anos 2000 consolidou um novo serviço de comunicação e entretenimento baseado no relacionamento entre pessoas. São as chamadas redes sociais. Segundo pesquisa da ComScore, empresa de análises digitais, realizada em outubro do ano passado, cerca de 53% da população gasta cerca de 12 horas por mês atualizando perfis no Facebook, Instagram e Twitter. A porcentagem ultrapassa 50 milhões de brasileiros entre 15 e 34 anos de idade. O crescente número de usuários despertou o interesse das empresas em anunciar produtos, germinando o solo para a profissão de mídias sociais.

Apontada como uma das carreiras mais promissoras de 2015, segundo o site da revista Exame, o analista de mídias sociais precisa estar atualizado sobre os assuntos do cotidiano e ter boa escrita. “O domínio da língua portuguesa é essencial, já que se usa muito conteúdo textual e erros gramaticais podem ser fatais para a credibilidade de uma marca”, afirma João Paulo Balthazar, consultor e professor de Marketing Digital e Comércio Eletrônico.

Além disso, o bom humor é uma importante ferramenta e exige criatividade para comunicar assuntos de interesse da população. A curiosidade e o timing, segundo Bárbara Vioto, diretora de Criação da agência Muda Marketing, de Maringá, ajudam o especialista a encontrar as melhores soluções para os clientes. Também é preciso ter planejamento e conhecimento estratégico a fim de alcançar os resultados de investimento.

Hoje vemos pessoas conectadas pelos celulares e tablets em qualquer lugar

A busca pela capacitação na área tem crescido em Maringá e é reflexo do mercado mais competitivo na internet. “Hoje vemos pessoas conectadas pelos celulares e tablets em qualquer lugar. As redes sociais influenciam o comportamento da sociedade, essa realidade faz parte de nossas vidas cada vez mais”, afirma Bárbara Vioto, que elogia o trabalho das fanpages maringaenses Prefeitura de Maringá, do salão de beleza Cabelo’s Hair e da grife Moikana.

A era das redes sociais é uma realidade inevitável em que a participação é essencial para a sobrevivência de uma empresa, como é o caso do Ponto Frio e da bala Hall’s, que estão investindo em marketing digital para vender mais. “Talvez a maior mudança no aspecto mercadológico tenha sido o poder conquistado pelos consumidores, transformando completamente as relações entre empresas e clientes”, diz João Paulo Balthazar.

Brasileiros gastam cerca de 12 horas nas redes sociais  (Foto: Ademir Freitas)

Brasileiros gastam cerca de 12 horas nas redes sociais
(Foto: Ademir Freitas)

Discussão e comentários »

Não há comentários | Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

* Copie a Senha gerada. *

* Digite ou cole senha aqui. *

32.898 Spam Comments Blocked so far by Spam Free Wordpress

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

sobre o autor

Quase jornalista, apaixonado por social media e música

ver mais posts do autor »

 

Notícias

 

Calendário

maio 2015
S T Q Q S S D
« abr   jun »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

galeria de fotos

Mario Quintana Mark Twain Chico Buarque

enquete

Você gostou das edições do JMP deste primeiro semestre?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...
 

Jornal Matéria Prima é produzido por alunos do curso de Jornalismo do Centro Universitário Cesumar - UniCesumar - na disciplina Técnica de Reportagem.

 

Publicado com WordPress / Laboratório de Notícias

Proibida a reprodução sem autorização do autor ou da Unicesumar

©2011-2018 Jornal Matéria Prima. Todos os Direitos Reservados.