Cesumar - Centro Universitário de Maringá

Jornal Matéria Prima

 
  • Última Edição: #483 | 28/06/2018 - Ano XIX
 
Crítica de Mídia | Edição #402 - 02/10/2014

A Globo e a manipulação nas eleições

Estudo comprova que o noticiário de maior audiência, o Jornal Nacional, é usado como instrumento de oposição ao governo

Maria Isabel Corrêa
Aluna de Jornalismo

Comentários
 
(Reprodução/Rede Globo)

A postura de Bonner na entrevista com Dilma foi criticada (Reprodução/Rede Globo)

Na segunda-feira, 18 de agosto, o Jornal Nacional (JN) continuou a série de entrevistas com candidatos à Presidência da República, interrompida pelo acidente que matou o candidato Eduardo Campos (PSB), e mais seis pessoas, em Santos, na semana anterior. Com postura supostamente agressiva durante a entrevista, o apresentador Willian Bonner gerou várias discussões sobre o comportamento dele na bancada do JN.

Um levantamento realizado pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (uerj) comprovou que o Jornal Nacional, da TV Globo é usado como instrumento de oposição ao governo. O estudo chamado de “manchetômetro” pelos membros do Laboratório de Estudo de Mídia e Esfera Pública da universidade, concluiu que o JN veiculou mais notícias negativas contra a presidente Dilma Rousseff (PT) do que contra os adversários. De acordo com os gráficos desse levantamento, o JN dedicou uma hora e 22 minutos este ano para notícias desfavoráveis ao governo, contra três minutos para reportagens que estivessem falando bem.

O debate decisivo das eleições de 1989 realizado pela Rede Globo entre os então candidatos à Presidência da República Luiz Inácio Lula da Silva e Fernando Collor de Mello foi um exemplo de manipulação de conteúdo feito pela emissora. Em entrevista concedida em 2011 à Globo News, Jose Bonifácio Sobrinho, o Boni, para promover o lançamento da obra, “O Livro do Boni” confirmou a manipulação editorial do JN naquela ocasião.

O JN veiculou mais notícias negativas contra a presidente Dilma Rousseff (PT) do que contra os adversários

Segundo ele, a emissora comprou a causa de Fernando Collor.  “Eu achei que a briga do Collor com o Lula nos debates estava desigual, porque Lula era o povo e Collor a autoridade”, comentou. “Então conseguimos tirar a gravata do Collor, colocar um pouco de suor com uma ‘glicerinazinha’ e pôr as pastas todas que estavam ali com supostas denúncias contra o Lula – mas as pastas estavam inteiramente vazias ou com papéis em branco”, revelou Boni.

Na entrevista com a candidata Dilma Rousseff, Bonner deixou de ser entrevistador para investir em outra função, a de editor-chefe. No caso específico, mais chefe que editor. Impressionou também em acuar Dilma, sobrepondo-se, muitas vezes, à jornalista Patrícia Poeta.

A postura e a forma incisiva como foram feitas as perguntas, com falta de educação ou simples pirraça, como nas ocasiões em que o entrevistador aparenta não gostar da resposta dada, pode passar a impressão de que William Bonner e Poeta são “parciais” e “apertam” os entrevistados de forma incerta.  No entanto, os temas e até mesmo a linguagem usada mostra que não houve igualdade no tratamento dado aos candidatos.

Dessa forma é difícil acreditar que um veículo de comunicação que foi cúmplice de ditadores, que adulterou a edição de um debate presidencial, possa hoje ter alcançado o bastião da ética e moral em rede nacional.

Discussão e comentários »

Não há comentários | Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

* Copie a Senha gerada. *

* Digite ou cole senha aqui. *

37.065 Spam Comments Blocked so far by Spam Free Wordpress

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

sobre o autor

Conversadeira, ama ouvir histórias e contá-las. Identifica-se com o jornalismo e é apaixonada pela família.

ver mais posts do autor »

 

Notícias

 

Calendário

outubro 2014
S T Q Q S S D
« set   nov »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

galeria de fotos

Mark Twain Mario Quintana George Carlin

enquete

Você gostou das edições do JMP deste primeiro semestre?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...
 

Jornal Matéria Prima é produzido por alunos do curso de Jornalismo do Centro Universitário Cesumar - UniCesumar - na disciplina Técnica de Reportagem.

 

Publicado com WordPress / Laboratório de Notícias

Proibida a reprodução sem autorização do autor ou da Unicesumar

©2011-2018 Jornal Matéria Prima. Todos os Direitos Reservados.