Cesumar - Centro Universitário de Maringá

Jornal Matéria Prima

 
  • Última Edição: #483 | 28/06/2018 - Ano XIX
 
Crítica de Mídia | Edição #356 - 11/04/2013

Aventura cotidiana sob múltiplos olhares

Profissão Repórter e jovens jornalistas investem na realidade dos fatos, construindo jornalismo de profundidade

Bruna Silveira
Aluna de Jornalismo

Comentários
 

Caco Barcellos (dir) e a equipe 2013 do Profissão Repórter (Foto: Débora Pivotto)

Descobrir, vivenciar e aprender pode ser o diferencial do iniciante da carreira jornalística. Sentir prazer ao fazer uma notícia já é um bom caminho para transformar as histórias em grandes reportagens. Justamente com essa proposta Caco Barcellos, 63, jornalista e diretor do programa Profissão Repórter (Rede Globo), desenvolve um modo diferente de fazer notícia, possibilitando aos “focas” experiências totalmente novas das realizadas nos demais telejornais. A ideia é adquirir um novo olhar.

No programa, que existe desde 7 de maio de 2006, o bordão “os bastidores da notícia” usado por Caco, vai muito além de mostrar o que ocorre durante a produção da notícia. O objetivo é realmente desvendar, revelar algo.

De acordo com o jornalista e mestre em comunicação Bruno Teixeira, na dissertação de mestrado “Jornalismo e Narrativa na Mídia Televisiva”, o programa Profissão Repórter investe e acredita muito nessa interação do repórter com o entrevistado, o que é de extrema importância na construção da reportagem. “A preocupação não está em procurar entender e explicar como as coisas acontecem. O melhor é se deixar impregnar pelos sons, vozes, cheiros e texturas da aventura cotidiana.”

O melhor é se deixar impregnar pelos sons, vozes, cheiros e texturas da aventura cotidiana

É preciso ressaltar o que acontece no mundo e também por trás das câmeras. Essa é a essência para tornar o jornalismo algo mais real e humano. No livro “Reportagem na TV: como fazer, como produzir, como editar”, o jornalista Alexandre Carvalho menciona que aquele simples buraco na rua do qual desviamos todos os dias, pode nos esconder grandes histórias, e que só não sabemos porque não paramos para refletir e observar o que está a nossa volta.

As diversas formas de observar a realidade das notícias (Reprodução: Bruna Silveira)

A comunicação televisiva na busca incessante pela audiência deve ir além dessa relação de consumo. Um bom telejornal é aquele que responde às curiosidades do telespectador, mas que também possibilita questionamentos e desperta emoções. É agora papel de toda imprensa repensar a comunicação e possibilitar esse aprofundamento e experiência tanto na formação do jornalista quanto nos demais programas e meios de comunicação. Talvez essa mudança não ocorra tão rapidamente como se almeja, porém, a sociedade também precisa estabelecer questionamentos e lutar pelo jornalismo de credibilidade que mostre a realidade sob múltiplos olhares.

Discussão e comentários »

Não há comentários | Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

* Copie a Senha gerada. *

* Digite ou cole senha aqui. *

37.061 Spam Comments Blocked so far by Spam Free Wordpress

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

sobre o autor

Concentrada e observadora, adora descobrir as histórias que só o jornalismo proporciona.

ver mais posts do autor »

 

Notícias

 

Calendário

abril 2013
S T Q Q S S D
« dez   mai »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

galeria de fotos

Cazuza Mark Twain Chico Buarque

enquete

Você gostou das edições do JMP deste primeiro semestre?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...
 

Jornal Matéria Prima é produzido por alunos do curso de Jornalismo do Centro Universitário Cesumar - UniCesumar - na disciplina Técnica de Reportagem.

 

Publicado com WordPress / Laboratório de Notícias

Proibida a reprodução sem autorização do autor ou da Unicesumar

©2011-2018 Jornal Matéria Prima. Todos os Direitos Reservados.