Cesumar - Centro Universitário de Maringá

Jornal Matéria Prima

 
  • Última Edição: #483 | 28/06/2018 - Ano XIX
 
Cidade | Edição #352 - 20/11/2012

Jardim Alvorada tem “reduto nordestino”

Loja especializada na comercialização de produtos regionais também preserva a cultura das regiões Norte e Nordeste

Celso Dutra
Aluno de Jornalismo

Comentários
 
Valdecir Dias

 

Valdecir Dias embala o “jabá”, item mais vendido na loja (Foto: Celso Dutra)

Localizada no Jardim Alvorada, região norte de Maringá, “A Casa do Norte Pedro Taques”, é especializada em produtos vindos das regiões Norte e Nordeste brasileiro. Mas é visitando o empório que os moradores ali próximos relembram e/ou conhecem a cultura nordestina e tornam-se clientes.

Ao todo são 280 produtos, dos quais cerca de 200 com algum traço de regionalismo. Vão desde grãos, peixes de água salgada, feijão de corda, queijos e, como não poderia faltar, cachaça de Minas Gerais. Segundo Valdecir Dias, 46, dono do estabelecimento, o produto mais vendido é a carne seca, também conhecida como charque, carne de sol ou jabá. “Os meus clientes gostam desses produtos, porque são de qualidade, eles ficam satisfeitos e sempre compram esses itens para incluir nas receitas, como escondidinho, feijoada, arroz carreteiro etc.”

“Os meus clientes gostam desses produtos, porque são de qualidade, eles ficam satisfeitos e sempre compram esses itens para incluir nas receitas, como escondidinho, feijoada, arroz carreteiro etc”

Apesar de trabalhar com produtos do Norte e do Nordeste, Dias é paranaense de Planaltina do Paraná (distante126 kmde Maringá) e com 17 anos foi para São Paulo trabalhar como operário no ramo industrial. Mais tarde, com incentivos de amigos [comerciantes do mesmo ramo] vindos das regiões nordestinas, ele experimentou o negócio, que deu certo. Dias permaneceu ainda por 15 anos na capital paulista.

O retorno ao Paraná ocorreu há cerca de quatro anos. Dias estabeleceu o empreendimento em Maringá. Perguntadopelo Jornal Matéria Prima se teve sucesso na loja de São Paulo, ele responde que sim. “Para mim, que tenho os fornecedores de São Paulo, fica mais fácil, pois daqui mesmo faço os pedidos e eles mandam tudo pelas transportadoras. Dessa forma, aqui fico próximo da minha família.”

Satisfeito com o atendimento de Dias, seo José Mendes Rocha, 45 anos, pedreiro, morador há 25 anos do Jardim Alvorada, região norte de Maringá, explica que é bem recebido no estabelecimento. “O amigo Valdecir é gente fina. Ele agrada a todos os que o rodeiam e recebe a gente com o maior carinho.” Outra cliente é dona Maria Francisca, 52, costureira, também do mesmo bairro. Ela comenta que a carne seca é de primeira. “Já faz quatro anos que compro nessa loja, desde quando abriu”, diz.

O local serve como ponto de encontro entre os amigos e são muitos os motivos para isso. De acordo com Dias, o público maringaense está aceitando os produtos. Muitas pessoas que passam em frente ao estabelecimento olham, entram e fazem perguntas de todo gênero.

Discussão e comentários »

Um comentário | Deixe seu comentário

maria disse:

gostei muito, adoro comprar carne seca para fazer escondidinho, feijao de corda com bacon é uma delicia, e o requeijao baiano adoro!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

* Copie a Senha gerada. *

* Digite ou cole senha aqui. *

37.872 Spam Comments Blocked so far by Spam Free Wordpress

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

sobre o autor

Feliz com minha futura profissão. Agradeço a Deus pela chance de voltar aos bancos escolares

ver mais posts do autor »

 

Notícias

 

Calendário

novembro 2012
S T Q Q S S D
« out   dez »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

galeria de fotos

George Carlin Mario Quintana Mark Twain

enquete

Você gostou das edições do JMP deste primeiro semestre?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...
 

Jornal Matéria Prima é produzido por alunos do curso de Jornalismo do Centro Universitário Cesumar - UniCesumar - na disciplina Técnica de Reportagem.

 

Publicado com WordPress / Laboratório de Notícias

Proibida a reprodução sem autorização do autor ou da Unicesumar

©2011-2018 Jornal Matéria Prima. Todos os Direitos Reservados.