Cesumar - Centro Universitário de Maringá

Jornal Matéria Prima

 
  • Última Edição: #483 | 28/06/2018 - Ano XIX
 
Cidade | Edição #337 - 04/04/2012

Homem cria peru para driblar solidão

Para comerciante do Portal das Torres, a ave pode ser domesticada e se tornar uma excelente companhia

Priscila Dias
Aluna de Jornalismo

Comentários
 

“Trabalhar com os perus é mais divertido”, afirma Barba

Há pouco mais de um ano, Larindo Moraes, 63, foi surpreendido com uma forma de pagamento inusitada: um peru. Sem paciência para cães, gatos e animais de estimação comuns, o comerciante decidiu transformar o pagamento da dívida em um companheiro para todas as horas. Dono de um ferro velho no bairro Portal das Torres, região norte de Maringá, Barba, como é conhecido, adotou a ave como seu animal de estimação. Não demorou muito para que outros dois perus se juntassem ao solitário “Negão”.

O comerciante diz que os perus chegaram na hora certa, em um momento de solidão e angústia que não cessavam. “Eu ficava sozinho e triste o dia inteiro. Quando ganhei o Negão, o Dourado e a Neguinha [nome dos perus], me distraía com os três cantando e correndo”, relata o homem que chama a atenção dos vizinhos e clientes pela escolha de um animal tão diferente. “É estranho! Eu não criaria um [peru]. Prefiro cachorro, gato ou passarinho”, afirma Adriana da Silva Rocha, 31, dona de casa e vizinha de Barba, que ainda não se acostumou com a ideia de ver um peru sendo tratado como animal de estimação.

De acordo com a psicóloga Carla Devides Fabri, um animal de estimação pode minimizar os problemas de uma pessoa, principalmente em momentos de dificuldade relacionados à depressão e ansiedade. “Vale ressaltar também que existem vários benefícios trazidos pelos animais que ajudam no desenvolvimento psicológico, social e na qualidade de vida.”

Moraes conta que os perus já fazem parte da família. Ele os alimenta com restos de comida e ração, além de dar banho toda semana. “Trato eles como gente”, declara o comerciante. Esse tipo de tratamento é criticado pelo engenheiro agrônomo Alexandre Tirado. “Os perus têm necessidades próprias, e quem escolhe tê-los como animais de estimação deve estar atento a esses cuidados. O banho, por exemplo, é algo negativo para o animal, pois o peru precisa manter a oleosidade das suas penas.” Contudo, o agrônomo lembra que, diferentemente dos perus selvagens, o peru de cruza ou doméstico tem fácil adaptação ao ambiente e à convivência com humanos.

Questionado sobre o porquê de ter adotado os perus como animais de estimação, Barba responde empolgado: “Peru é interessante porque é pássaro grande”. Ele garante que nunca pensou em transformar as aves em prato principal das refeições. “Eu gosto muito dos bichinhos. Não teria coragem.” A psicóloga Carla Devides explica que a opção por um animal diferente não está relacionada à personalidade do dono. Está ligada ao momento que a pessoa está vivendo. Informada sobre o animal em questão, a psicóloga responde aos risos: “Um peru? Fazendo um aprofundamento psicológico eu poderia supor várias coisas. Melhor não”.

Discussão e comentários »

2 comentários | Deixe seu comentário

Marta Verônica disse:

Gostaria de saber do Sr. Barba ou de um agronômo ou veterinário mais detalhes sobre hábitos e comportamento do Peru . Pois ganhei recentemente um Peru de 9 meses e ele as vezes tenta atacar minha filha de 11 anos e visitas que eventualmente recebo . Gostaria de entender o por quê e como agir com ele para que ele pare . Será que melhoraria se eu comprasse uma Perua ?
Tenho medo de ficar com dois problemas , por favor me ajudem a resolver esse grande problema .

RAISA MARCONDES disse:

Muito bom o texto!

Adorei o final! Divertido e interessante e , com certeza, informativo!

Está no caminho certo, Pri!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

* Copie a Senha gerada. *

* Digite ou cole senha aqui. *

37.839 Spam Comments Blocked so far by Spam Free Wordpress

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

sobre o autor

Politicamente engajada, fala pelos cotovelos. É eclética e ama uma boa risada.

ver mais posts do autor »

 

Notícias

 

Calendário

abril 2012
S T Q Q S S D
« nov   mai »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

galeria de fotos

Chico Buarque Mark Twain Mario Quintana

enquete

Você gostou das edições do JMP deste primeiro semestre?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...
 

Jornal Matéria Prima é produzido por alunos do curso de Jornalismo do Centro Universitário Cesumar - UniCesumar - na disciplina Técnica de Reportagem.

 

Publicado com WordPress / Laboratório de Notícias

Proibida a reprodução sem autorização do autor ou da Unicesumar

©2011-2018 Jornal Matéria Prima. Todos os Direitos Reservados.