Cesumar - Centro Universitário de Maringá

Jornal Matéria Prima

 
  • Última Edição: #472 | 29/12/2017 - Ano XVIII
 
turma

Somos ajudados a processar os processos

Aclizio Valério

A gratidão por vencer etapas e finalmente escrever com muito amor

 
uai

Eles chegaram… o que resta da humanidade?

Adevanir Rezende
Enquanto bradamos confusos e incompreendidos, levam-nos em silêncio
 
Afogados no emaranhado de pensamentos ansiosos. O mostro julgador nunca nos abandona. (Imagem/ Giulia Cordeiro)

Exorcismo escrito em prol da liberdade

Giulia Cordeiro
Nem sempre as vozes que escutamos dentro de nossa cabeça são nossas
 
Imagem/ Octavio Ocampo

Floresço como uma semente mexicana

Gabriel Trevisan

Em um jardim cultivado por homens e suas leis, emerjo arduamente da terra

 
Estudos,horas na biblioteca,provas,trabalhos e mais trabalhos. (Imagem/ Pixabay)

Os desafios da vida de um universitário

Talita Camozze
Uma pequena introdução a esse sonho de ingressar na faculdade
 
Imagem/ Allan Cavalcanti

Qualquer um pode salvar o dia de alguém

Allan Cavalcanti
Mesmo quando o café não está tão bom, elogia, e ganha um larga sorriso
 
Imagem/ Gustavo Vanzella

Quanto tempo você acha que precisa ter?

Isabelli Raiacovitch

Em um mundo controlado por relógios, louco é quem deixa o tempo fluir

 
Imagem/Isabella Soares/Arquivo Pessoal

A primeira vez na minha segunda casa

Isabella Soares
Um jogo sem tanta importância, mas muito mais valioso que três pontos
 
A riqueza é uma obra da inovação. Imagem/ João Belli

A não inerência de riqueza ao mundo

João Henrique Belli
A realidade natural do homem é miserável e nem um pouco desejável.
 
(Imagem/ Beatriz Garcia)

Quem tinha tudo o que queria, acabou sem nada

Isabella Higa

Ela se sentia a mais poderosa e adorava ouvir todos os elogios

 
Imagem: Pixabay

Dezoito homens pró-vida, mas de quem?

Amanda Watanabe
Aborto é questão de saúde pública, não é a discriminação que vai pará-lo
 
Imagem / Pixabay

Curto relato de uma vida pós diagnóstico

Eduardo Domingos
Quando ele foi diagnosticado, o chão lhe pareceu desaparecer dos pés
 
imagem/Pinterest

A vida própria dos meus cachos indomados

Janaína Lopes

Os cachos de várias personalidades, podem ser definidos, menos domados

 
cronica

Foi crime sim, mas não me deram ouvidos

Gabriela Medrano
Tiraram minha essência no momento em que invadiram minha privacidade
 
(Imagem/pixabay)

Com imenso carinho, uma despedida a 2017

Ana Beatriz Fortunato
A carta de adeus ao ano que teve o inverno mais rigoroso
 
Um novo Jornal
(Ilustração/Matheus Alves)

A carta do aspirante a repórter à direção

Matheus Alves

Um exército sem habilidades ao comando de uma general implacável

 
Imagem da internet: pixabay

Fogos preenchem o céu e bem vindo 2017

Bruna Araujo
Por que esperar um novo ano para fazer tudo diferente?
 
A realidade transita muitas vezes perto de nós. Que o silêncio não cegue a dor de uma alma Foto/Gabriel Amaral

A dor que sobrevive não quer denunciar

Laís Rocha
Inquietante meu coração palpitou, não de alegria, e sim meu último suspiro
 
(Imagem/Weverton Klein)

As fotos de famílias não revelam tudo

Weverton Klein

Naquelas fotografias, ele via também as lembranças daquela época

 
(Imagem/Pixabay)

Apenas um único dia para ter consciência

Murillo Saldanha
Calendário é marcado pela herança católica, republicana e ditatorial
 
[Imagem/Pixabay]

O amor bate na porta e entra sem avisar

Mariana Belleze
Eu não tinha conhecido o amor ainda, mas estava prestes a conhecê-lo
 
nitão2

A doce vida e suas reflexões niilistas

Gabriel Amaral

Nem sempre quem vive sabe viver; a vida pode ser cruel só de pensar nela

 
(Imagem / Arquivo pessoal Láiza Maciel)

Eu resolvi me emancipar antes do tempo

Láiza Maciel
Fiz um mapa mental de como deveria ser todos os dias, meses e anos
 
Fotografia: Claudete Savelli

A história de Natal que mudou minha vida

Ryan Savelli
O dia que aceitei ser Papai Noel e vi a vida com outros olhos
 
(imagem/ Carlos Henrique Rosa)

“Faremos agora uma pequena pausa …”

Carlos Henrique Rosa

Última crônica do ano no JMP, “mas logo estaremos juntos novamente”

 
A mais triste e cruel sequência de palavras que se pode ler
Imagem/Reprodução YouTube

Ah, país adorado, se todos o ajudassem

Emanoel Almeida

As mazelas desse país são tão grandes quanto as belezas naturais

 
Informações da Edição Número: 472 - Ano XVIII
Publicada em: 29/12/2017 Editor Rosane Barros

galeria de fotos

Chico Buarque Mark Twain George Carlin

enquete

Você gostou do Jornal Matéria Prima em 2017?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...
 

Jornal Matéria Prima é produzido por alunos do curso de Jornalismo do Centro Universitário Cesumar - UniCesumar - na disciplina Técnica de Reportagem.

 

Publicado com WordPress / Laboratório de Notícias

Proibida a reprodução sem autorização do autor ou da Unicesumar

©2011-2017 Jornal Matéria Prima. Todos os Direitos Reservados.